Heroes of Sandpoint

Viagem ao forte Hennick

• Depois da celebração do casamento de Christopher, os Dragões retomam os preparativos para a viagem para o Forte Hennick. Um contrato é feito com Orik e assim ele irá acompanhar os Dragões.
• Em nome da igreja de Iomedae em Magnimar, Talak Escudo de Batalha também decide acompanhar os dragões na jornada.
• Shalelu também decide ir.
• Durante a viagem, os dragões treinam algumas manobras de combate com os seus aliados, Talak, Orik e Shalelu. O clérigo começa a falar um pouco do seu passado, da vida de gladiador que levava antes de servir a Iomedae. Todos começam a se entrosar um pouco mais.
• Durante a viagem, encontramos um mercador navegante que nos alerta para tomarmos cuidado com os homens-sapo que frequentemente saqueiam a estrada, os bogar.
• A viagem é longa e tranquila. Só depois de cinco dias é que os dragões encontram uma patrulha de soldados de Magnimar. Eles passam por Whartle, uma pequena cidade que foi erguida sobre palafitas, depois passam por Whistledown, uma pequena cidade cuja população é predominantemente de gnomos. Em seguida, passam por Yussurian, uma cidade fortemente protegida, onde todo mundo parece andar armado, inclusive as crianças. Apesar disso, os dragões são bem recebidos.
• Chegam enfim até a última cidade antes do forte Hennick, Turtleback Ferry. Uma cidade que ganhou seu nome por causa dos cascos de tartaruga gigantes que servem como pequenas embarcações. O clima está bastante chuvoso, e a primeira estalagem da cidade cobrou um preço bastante alto por estadia. Os dragões tentam achar outro lugar para ficar, mas logo descobrem que aquela era a única estalagem da cidade, e lá decidem se instalar.
• Na taverna, são recebidos por um casal de halflings bastante simpáticos, que os indica um estábulo, pertencente ao prefeito da cidade, para deixar os cavalos. Chegando ao estábulo, são bastante bem recebidos também e o prefeito começa a contar um pouco sobre os últimos acontecimentos da cidade. Uma embarcação, que servia como prostíbulo e possuía vários jogos de azar havia se instalado no local recentemente, a Paraíso, afundou em um incêndio há duas semanas. A dona era uma mulher de outra cidade que também fazia pouco tempo que havia chegado na cidade, e se presume que ela tenha falecido no acidente. Vários moradores participavam dos jogos.
• Os dragões começam a suspeitar que essa mulher pudesse ser a irmã de Xanesha, de acordo com a carta que foi encontrada quando ela morreu. No dia seguinte, os dragões se espalham e tentar reunir informações sobre o navio Paraíso, suas atividades e sua dona.
• Cat obtém mais sucesso que os outros, ao seduzir um caçador e descobrir que ele tem uma tatuagem do Sihedron num local que ele não queria revelar. Este caçador é interrogado logo depois e diz que a tatuagem foi oferecida pela dona do Paraíso em troca de alguns benefícios nos jogos de azar que aconteciam no navio. Ele revela também que o líder do Forte Hennick de vez em quando ia para a floresta ter um encontro com uma criatura que ele não sabia ao certo identificar, mas o líder do Forte sempre saía com um sorriso do local.
• Sem mais informações, os Dragões decidem ir ao Forte Hennick. No meio do caminho, uma criatura muito parecida com Flama surge da floresta com uma armadilha de urso presa na perna. Cat corre em direção a ela e vê que o ferimento é profundo, e que já possuía alguns dias. Christopher tenta abrir a armadilha, sem sucesso, quando os Dragões são abordados por um meio-ogro caçador e sua matilha de cães. Um combate se segue, Cat furiosa mata o meio-ogro. Em seguida, a “Flama” é solta e curada. Ela tenta guiar os dragões para o meio da floresta.
• Depois de alguns minutos, é possível ver umas pequenas construções, um celeiro e uma casa. Assim que os dragões chegam na porta do celeiro, são surpreendidos por um meio ogro que estava escondido e ataca Cat com um gancho gigante. Ela fica presa e o meio ogro a puxa para o meio da floresta. Christopher reage a tempo e persegue o meio ogro. Depois de algum tempo, o meio ogro é derrotado através dos esforços conjuntos.
• A “Flama” ainda tenta guiar os heróis ao celeiro. Mais desconfiados que nunca, eles abrem o celeiro e encontram outros três meio-ogros, com características monstruosas, que logo começam o combate. São rapidamente derrotados, e apesar de suas feições horríveis, não é difícil concluir que estes poderiam ser meio-ogros crianças. Quando os dragões começam a vasculhar o celeiro, descobrem que alguns homens eram mantidos prisioneiros pelos meio-ogros e estavam bastante feridos, além de terem sido vítimas de abuso sexual. Os Dragões tentam curá-los e tirá-los dali.
• Quando estavam prestes a sair, lembram-se que no meio do combate alguns ogros pediram proteção à sua mãe, e antes de partir decidem investigar a casa para encontrar essa criatura para que ela não seja mais um perigo para a cidade de Turtleback Ferry.

View
Reservado 4

Chegada em Sandpoint, relatórios entregues a Belor e Kendra, anúncio da morte de Alec, templo de Iomedae começa a ser contruído nos arredores de Sandpoint, Orik e Lirie decidem passar o inverno em Sandpoint, Takashi passa a maior parte do tempo trabalhando na confecção de itens maravilhosos, preparativos e casamento de Christopher Connor e Shayla Vinder, com grande celebração ecumênica e vários convidados. Festa da Mansão Kaijitsu, Cat e Belor dançando, Ameiko chamando atenção por todos os lados, Ser Jasper bêbado, briga no final da festa entre Belor e outro Shoanti.

View
Reservado 3

Prelúdio de Talak Escudo de Batalha.

View
Reservado 2

Investigação do moinho, seguir os corvos, subida da torre dos sinos, combate com Xanesha, morte de Alec, Batalha das badaladas, autopromoção do prefeito, “Dragões de Varisia”. Luto, marcha fúnebre para Sandpoint com os varisianos, primeira aparição de Talak Escudo de Batalha.

View
Reservado 1

Combate com o Golem, fuga de Cat, Christopher é feito refém, Takashi vai pro Golemworks obter informações.

View
18-20 de Lamashan(?)
  • No dia seguinte, os heróis buscaram mais uma vez o proctor verificar essa informação! para saber mais sobre o contrato encontrado na casa de Aldern. O sacerdote, que havia consultado alguns justiças da cidade, disse que um deles poderia dar mais informações sobre o contrato.
  • Nesse mesmo dia, Alec rumou até o distrito sob a “ponte” [qual é o nome?] para visitar a antiga igreja de Sarenrae. Alguns varisianos o acompanharam e em certo momento exigiram que o sacerdote entregasse os seus pertences. Calmamente, o clérigo entregou os seus pertences, mas quando os ladrões já estavam fugindo, ele os atingiu com uma poderosa magia de fogo. À beira da morte, os ladrões foram salvos pelos poderes restauradores de Alec – que usou o incidente para condenar a atitude dos ladrões. Ao final, pegou de volta os seus itens – exceto algumas moedas de ouro semi-derretidas – e exigiu que um deles o acompanhasse de volta à saída do distrito.
  • O grupo buscou o justiça Brier(?) em seu escritório e levaram com ele uma longa conversa. O magistrado conhecia a natureza do documento e revelou que ele mesmo foi o responsável por aquele contrato em particular, mas que para revelar a natureza dos membros da Irmandade seria necessário um processo burocrático demorado e que teria mais chances de ser bem-sucedido se houvesse um número maior de evidências.
  • Os Dragões mencionaram que talvez pudessem encontrar alguma evidência no Moinho dos Sete. De modo a conferir ao grupo uma sutil autoridade dentro da cidade, ele preparou um documento conferindo os poderes de “xerifes”(?) aos heróis. Além disso, ele perguntou se os heróis iriam ao moinho ainda aquela noite para que pudesse preparar os documentos adequados caso tivessem problemas com a guarda.
  • Algum tempo depois, os Dragões de Sandpoint chegam ao Moinho dos Sete. O lugar parece estranhamente calmo. No nível mais baixo, além de serragem e palha, havia no lugar algo parecido com uma cama improvisada, com um estranho cheiro agressivo.
  • No andar superior, Cat percebeu uma movimentação, mas devido à completa escuridão do local não pôde distinguir quem estaria ali. O grupo todo subiu com fontes de luz e foi atacado por um grande número de cultistas liderados pelo próprio justiça Brier!(?)
  • Apesar de não serem combatentes experientes, os cultistas possuíam estranhos poderes de sugestão mental que dificultou bastante o combate para os heróis. No entanto, a verdadeira ameaça era o próprio Brier, devidamente trajado para o combate e capaz de usar poderosos feitiços.
  • No final, os Dragões saíram vitoriosos. Um busca rápida revelou alguns objetos valiosos e um livro densamente criptografado. Cristopher e Takashi rumaram para Arvensoar enquanto Cat e Alec vasculhavam e protegiam o lugar.
  • Mais uma vez, a líder da guarda [qual era o nome mesmo?]e sua equipe chegaram na cena para investigá-la. Pouco depois, chegaram sacerdotes de Abadar [tá certo isso, produção] que ajudaram a verificar a veracidade dos testemunhos.
  • Nos dias seguintes, houve uma série de encontros entre os Dragões de Sandpoint e membros da guarda e da justiça de Magnimar para explicar o ocorrido. O proctor testemunhou a favor do grupo e pediu desculpas tê-los enviado ao justiça Brier.
  • Os Dragões de Sandpoint decidem investigar o moinho em busca de rastros do espantalho (golem de carne).

*Alec realiza um ritual para preservar o corpo de Flama.

*Catryn interage com os corvos e decide enviá-los para os seus destinos e rastreá-los.

*Catryn sobe no navio do CAPITÃO e pega o rastro dos corvos. Ela descobre que os corvos pousavam em um lugar conhecido como o relógio das sombras.

*Os dragões de Sandpoint decidem investigar o local em busca de pistas de Xanesha. No local eles são surpreendidos pelo Espantalho.

*Alec lança uma magia de fogo e o Espantalho fica lento.

*Takashi conjura magia para deixar Christopher com resistência a danos físicos. A pele de Christopher fica com aspecto rochoso.

*Durante o combate, Alec conjura suas magias para curar os feridos e auxiliar os aliados com as suas bênçãos.

*Catryn desfere um golpe violento no golem e derrota-o.

*Os heróis de Sandpoint e Liry decidem explorar o templo.

*Os aventureiros são surpreendidos pelo sino caindo do teto. Os aventureiros desconfiam que alguém cortou o sino como forma de ataque para derrubá-los da ponte.

  • Os personagens descobrem que as criaturas do mar, que estavam na casa de Aldern, também existiam no templo, além disso, foram elas que cortaram o sino.
  • Os heróis destroem essas criaturas.
  • Os heróis encontram com Xanesha no último andar e Oric estava enfeitiçado.
  • Os heróis são surpreendidos quando Christopher se volta contra eles.
  • Alec dissipa o encanto que dominava Oric.
  • Oric vai resgatar o verdadeiro Christopher.
  • Alec é surpreendido por um golpe surpresa de Xanesha e fica muito ferido.
  • O falso Christopher é derrotado após um difícil combate.
  • O combate é muito difícil para os Dragões, eles estão muito feridos e Xanesha, dificilmente, é
    acertada.
  • Takashi convoca criaturas terrivelmente ameaçadoras para atacar Xanesha.
  • Xanesha derruba Takashi.
  • Cat, Alec e Christopher decidem tentar empurrar Xanesha no abismo.
  • Em uma tentativa desesperada Christopher se agarra à vilã para tentar destruí-la. Todavia, a
    vilã conjura uma magia que diminui os danos das quedas para ambos.
  • Liry oferece uma magia semelhante para Cat ir ajudar no combate embaixo.
  • Takashi, Alec, Liry e Oric decidem descer as escadas para auxiliar no combate, todavia, o templo possuía 80 metros e isso seria demorado.
  • Christopher é derrubado por Xanesha.
  • Cat continua resistindo fortemente ao combate.
  • Takashi e Oric cortam os sinos para atacar a vilã.
  • A vilã foge do templo, Alec e Cat seguem Xanesha e travam um duelo.
  • Cat fica muito ferida.
  • Alec é mortalmente ferido pela lança de Xanesha.
  • Catryn, furiosamente, parte para o combate contra a vilã e a derrota.
  • Os heróis carregam o corpo de Alec até a cidade.
  • Os heróis relatam os eventos ocorridos na cidade para a guarda.
  • O prefeito de Magnimar oferece uma recompensa de 6000 peças de Ouro aos “Dragões de Varísia”.
  • A batalha ficou conhecida pelos populares como a Batalha das Badaladas devido ao som dos sinos caindo durante o combate.
View
17 de Lamashan(?)
  • Chegam a Magnimar no dia seguinte e, após uma conversa com o capitão, ingressam na cidade de fato. Takashi guia os demais por vários distritos da cidade, passando por numerosos monumentos que dão o título de “Cidade dos Monumentos” a Magnimar. Entre eles, está a estátua de Alkeidan Indrus (?) (um dos aventureiros fundadores da cidade) e Virdak(?), a serpente de duas cabeças.
  • O mago tian leva os seus companheiros à estalagem Bunip Azul, num distrito nobre da cidade, no qual também está localizada a casa de verão dos Foxglove. Após uma farta refeição e algumas horas de descanso no luxuoso estabelecimento, os Dragões de Sandpoint partem para a antiga casa do Aldern.
  • Após baterem na porta, os aventureiros são surpreendidos com a aparição de Iesha, a esposa de Aldern – cujo cadáver animado encontraram na mansão Foxglove. Ela os convida a jantar junto com o seu marido – que também deveria estar morto. Surpresos e desconfiados, os heróis entram na sala de jantar, mas não se servem da comida, receosos de que a refeição se trata de uma armadilha. A desconfiança se prova fundada quando os supostos anfitriões sacam armas e atacam seus hóspedes.
  • Após um violento combate, fica constatado que duas criaturas metamórficas [conhecidas como ugotol(?) – ou faceles stalker, ver apendice X] estavam se passando pelo casal Foxglove. Uma busca revela que a maior parte dos objetos de valor foram levados da casa. Numa inspeção mais minuciosa, Takashi descobre que uma figura na forma de um leão próxima a lareira continha um mecanismo que podia ser ativado por uma chave de bronze encontrada dias antes na mansão Foxglove. O mecanismo revela um espaço sob a lareira contendo um pequeno baú.
  • Além de algumas moedas, o baú guardava um livro-caixa contendo a descrição dos gastos de Aldern Foxglove nos últimos anos. Chama a atenção dos Dragões, um gasto frequente (de 200 peças de ouro) que supostamente estaria relacionado com viagens semanais de Iesha a Absalom. No entanto, os heróis acreditaram que não seria possível para a varisiana fazer essas viagens todas as semanas e que a despesa poderia estar relacionada a algum tipo de transação comercial com a Irmandade dos Sete. A última entrada no livro-caixa apontava para as despesas de Aldern com a viagem para Sandpoint durante o festival.
  • Além disso, havia um contrato firmado entre Vorel(?) Foxglove e a Irmandade dos Sete relacionado com a Mansão Foxglove. O contrato não divulgava a identidade dos membros da Irmandade mas possuía um selo oficial de Magnimar.
  • Preocupados com eventuais problemas com a milícia de Magnimar e a dificuldade que seria explicar-lhes toda a situação, os Dragões cogitam a possibilidade de se livrarem dos corpos ou de evitarem as autoridades. Mas, no final, decidem procurar alguma figura de autoridade dentro da cidade na qual possam confiar. Duas pessoas são cogitadas: o paladino comandante das tropas militares de Magnimar e o proctor e líder da catedral de Abadar.
  • Enquanto Alec e Catryn tomam conta da casa, Cristopher e Takashi rumam para Arvensoar(?), a torre gigantesca que abriga a maior parte da milícia e exército de Magnimar. Apesar de conseguirem marcar uma audiência com o líder do exército, o tal encontro só poderia ser realizado após 10 dias. Numa tentativa de antecipar a data, Takashi entrega a prova [o que era, mesmo?] de que eles haviam matado um criminoso [qual era mesmo o nome?] procurado da cidade. Apesar de o representante da guarda mostrar-se satisfeito com a eliminação do bandido e insistir para entregar a recompensa, o ato se revela infrutífero para antecipar a audiência.
  • Sem escolha, Cristopher e Takashi rumam para a catedral de Abadar. Por sorte, uma celebração presidida pelo próprio proctor está acabando quando chegam ao local. Ambos doam 1 peça de platina para a igreja e pedem para receber uma benção do proctor após a celebração. Alguns minutos depois, o sacerdote os recebe de bom grado. Após contarem o motivo de estarem em Magnimar e compartilharem o incidente ocorrido na casa dos Foxglove, o clérigo aconselha os heróis a procurarem imediatamente a guarda da cidade e reportarem o acontecido.
  • De volta a Arvensoar, Takashi e Cristopher relatam o ocorrido e são acompanhados pela própria líder da guarda e vários guardas até a casa. Passam boa parte da noite acompanhando a investigação e contando com vários detalhes todo o acontecido desde Sandpoint. Apesar do rigoroso interrogatório, são finalmente liberados para voltar à estalagem Bunip Azul escoltados por alguns guardas e sob recomendações de não deixar a cidade.
View
16 de Lamashan(?)
  • Decidos a rumar a Magnimar para investigar a Irmandade dos Sete, os Dragões de Sandpoint partem de Sandpoint a bordo do navio Isvaltahar(?) comandado pelo capitão Alario – um carismático meio-elfo nortenho que ajuda os heróis sem pedir nada em troca. Pouco acostumados a viagens marítimas, os aventureiros ficam confinados nos aposentos inferiores e sentem algum desconforto na viagem.
View
14 Lamashan
  • Ser Jasper aparece na mansão, e vê aliviado que Christopher está bem. O jovem paladino conta sobre tudo o que aconteceu, e os dois têm uma longa conversa.
  • Ameiko aparece na mansão, e convoca os dragões a irem para a Dragão Enferrujado para contar toda a história. Um pouco mais animados, os dragões partem para lá.
  • Com dificuldade, Christopher consegue deter o avanço do mal do carniçal em Takashi e Alec, e ambos são curados da doença.
  • Os dragões conversam muito, discutem todas as informações que tiveram na Mansão dos Infortúnios, e percebem que ainda há muita coisa para se fazer. Decidem ir para Magnimar investigar mais sobre a irmandade à qual Aldern estava vinculado, e a primeira parada na cidade é a residência de Aldern.
  • Para a surpresa de todos, quando chegam na mansão de Aldern, são recepcionados por Iesha, que chama Aldern para vir até a porta.

TAN DAM DAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAANN

View
13 Lamashan
  • Catryn não volta da caçada do carniçal, e todos ficam preocupados. Belor decide montar um pequeno grupo para procurá-la.
  • Christopher e Alec continuam no tratamento dos fazendeiros. Takashi decide que pode ajudar mais na procura de Catryn do que no tratamento dos doentes, e vai com o grupo.
  • Catryn volta, e relata o sucesso da caçada. Foi difícil porque o rastro já era um pouco velho, mas ela conseguiu encontrar o carniçal, que era uma menininha.
  • Depois que acaba o tratamento dos fazendeiros, entre salvos e mortos, os dragões decidem voltar para Sandpoint. Seguem direto para a mansão. Descansam merecidamente.
View

I'm sorry, but we no longer support this web browser. Please upgrade your browser or install Chrome or Firefox to enjoy the full functionality of this site.